Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

2 Dedos de Conversa

Blog pessoal, onde pretendo fazer deste cantinho a " Mi casa es su casa ". Experiências pessoais , troca de idéias, e incentivo a (re)descobrires o teu lugar neste planeta. O que te move , o que te apaixona. SeR para CresCeR

2 Dedos de Conversa

Blog pessoal, onde pretendo fazer deste cantinho a " Mi casa es su casa ". Experiências pessoais , troca de idéias, e incentivo a (re)descobrires o teu lugar neste planeta. O que te move , o que te apaixona. SeR para CresCeR

Ter | 05.12.17

Larga quem não te agarra

Sónia Azevedo
    Se ele(a) não te valoriza, é instável, evasivo(a), inconstante, não faz questão, desaparece, é econômico(a) nas atitudes e demonstrações de afeto , e independentemente de tudo isso ou talvez por isso mesmo , tu insistes nessa relação , que cansa, desgasta, consome, fere e magoa. Ei!! Chega! Sério...o que falta para perceberes, dares-te conta, que não existe qualquer troca proporcional nessa tua história? O que há e persiste é uma teimosia , em querer muito quem não (...)
Dom | 15.10.17

Tomada de Consciência (1ª parte)

Sónia Azevedo
  A tomada de consciência de quem somos e o que somos é o abrir de uma porta . Porta essa que há muito está lá , mas não vemos , não vemos para além do que nos é óbvio e do que se nos apresenta apenas aos que os olhos vêem. Quando paramos , e nos viramos para nós na procura de nós próprios, eu senti essa necessidade , eu senti que a vida tinha que ser muito mais do que apenas o que se apresentava. Eu sentia que eu era muito mais do que eu mostrava, ou mesmo acreditava. Se (...)
Dom | 26.03.17

Um dia terá de ser o dia!!

Sónia Azevedo
Peço desculpa por andar ausente.  Tenho estado doente, não que sirva de desculpa , mas confesso que a minha vida tem andado um pouco "destrambelhada". Mas esse tema fica para outro dia. O de hoje vai de encontro ao dia em que É o dia da tomada de consciência, dos desenganos , e de aceitarmos que há coisas que por mais que lutemos ou tentemos , simplesmente não têm de ser . Chega o dia em que nos cansamos de dar murros em pontas de facas, porque só nos magoamos a nós mesmos. O (...)